O que é?

Destinado à avaliação da composição corporal, ajuda a estimar massa magra, gordura corporal, água corporal total, taxa metabólica basal e outros dados que mostram informações precisas sobre o estado nutricional do paciente.

Como é feito?

 O paciente fica em pé sobre um aparelho semelhante a uma balança e segura com as mãos os eletrodos. Em seguida, é emitida uma corrente elétrica, indolor, que passa entre os tecidos corporais do organismo. Dura cerca de 1 minuto. 

Preparo: 

  • Jejum de 4 h de alimentos e 2 h de bebidas (inclusive água).
  • Evitar exercício físico extenuante nas 24h anteriores ao exame.
  • Se estiver com a bexiga cheia, urinar antes do exame.
  • Retirar todos os adornos metálicos antes de realizar o exame.

 

O que é?

Exame para determinar se o metabolismo basal do paciente é lento, normal ou acelerado. Essas informações ajudam a determinar as necessidades de calorias para o equilíbrio de energia em programas de hipertrofia ou de combate à obesidade. É utilizado em pacientes com doenças crônicas (HIV, câncer e metabólicas) que exigem estratégia de nutrição personalizada. E também em idosos com comorbidades e crianças ou adolescentes obesos ou com déficit de crescimento devido a carências alimentares.


Como é feito?

O paciente utiliza uma máscara de silicone, ajustada sobre a boca e o nariz, para determinar o consumo de oxigênio, a produção de dióxido de carbono, o quociente respiratório e o gasto energético em repouso. O exame é realizado em uma sala em condições adequadas. 

Preparo:

  • Repouso de 30 minutos antes do exame. 
  • 4 horas sem comer nada antes do exame.

O que é?

Também conhecido como Teste Cardiopulmonar do Exercício ou Teste Ergoespirométrico, une o teste ergométrico comum a uma análise da respiração do paciente. O objetivo é medir o desempenho físico máximo, avaliando os sistemas cardiovascular, pulmonar e muscular em situações de esforços físicos. O teste ajuda a identificar patologias e a melhorar o desempenho esportivo de atletas amadores e profissionais.

 

Como é feito?

O paciente faz todo o esforço físico respirando por meio de uma máscara. O exame verifica todos os dados de um teste ergométrico e analisa o ar expirado para medir o consumo de oxigênio, a produção de gás carbônico, a frequência respiratória, a ventilação pulmonar, o gasto energético e as vias metabólicas utilizadas. Tem duração de 8 a 12 minutos.

Preparo

  • No dia do exame, não utilizar cremes, pomadas ou gel.
  • Vir ou trazer roupa confortável (agasalho/tênis).
  • Não fumar duas horas antes e uma hora após o exame.
  • Dieta normal duas horas antes ou dieta leve uma hora antes do exame (o paciente não deve fazer o exame em jejum).
  • Recomenda-se não expor o tórax desprotegido ao sol até 72 horas após o exame, já que a pele pode ficar irritada no local da colocação dos eletrodos.

O que é?

É um exame de imagem realizado por meio de uma câmara especial capaz de detectar emissão infravermelha do corpo humano e transformar em temperatura, que pode ser analisada em um computador. As vantagens de realizar exame por essa técnica é por ela ser não radioativa, sem contato direto com o paciente e indolor.

A termografia documenta as regiões onde há algum tipo de desequilíbrio térmico para que o médico entenda o que está acontecendo com o paciente com dor crônica e, a partir daí, seja realizado o tratamento adequado. Na Medicina do Esporte, os grandes times de futebol utilizam o exame para prevenir lesões.


Como é feito?

O exame é realizado em ambiente com temperatura controlada e o paciente com a pele exposta por 15 minutos. Após esse tempo, as imagens começam a ser captadas para serem analisadas em software específico.

Preparo

  • Documentar se foi realizado exercício físico no dia do exame.
  • Trazer roupa apropriada (sunga/biquíni).
  • Evitar consumo de estimulantes como cafés, chás, energéticos e bebidas alcoólicas.
  • Evitar comidas muito temperadas ou pesadas no dia do exame.
  • Evitar exposição solar 4h antes do exame.